Câmara Municipal de Imperatriz

Câmara Municipal de Imperatriz

16 de outubro de 2019



Votação de requerimento dividiu o parlamento e o presidente usou o voto de Minerva para o desempate
Sidney Rodrigues - ASSIMP
Foto - Sidney Rodrigues
  Na sessão da última quinta-feira (10), os vereadores aprovaram a convocação dos secretários Zigomar Filho (Infraestrutura), Alair Firmiano (Saúde) e Josafan Júnior (Gestão Orçamentária e Planejamento) para prestarem esclarecimentos sobre planejamentos e gastos de suas secretarias. Além deles, foram convocados também os superintendentes de Iluminação Pública, Francisco Vaz e de Limpeza Pública Alan Johnes.
  Já na manhã de ontem (16) em sessão ordinária, os vereadores da base do governo deram entrada em um requerimento de 'desconvocação' na mesa diretora, que foi apresentado pelo líder do governo na Câmara, João Silva (PRB). Este esclareceu ser totalmente a favor de que secretários e servidores possam ser ouvidos para falarem sobre suas pastas e darem explicações, mas primeiramente através de convite e não de convocação direta. Na recusa ou falta dos convidados se passaria, aí sim, para a convocação.
  Como oposição e situação não entraram em consenso e o presidente da casa teve que acatar o pedido contido no requerimento - regimentalmente todos os pedidos com mais de sete assinaturas devem ser acatadas e essa solicitação estava com nove - foi decidido que a decisão seria tomada em votação simples.
  Após pausa de 10 minutos o pedido foi colocado em votação e resultou em nove vereadores a favor da convocação (Bebé Taxista, Ditola, Carlos Hermes, Aurélio Gomes, Adhemar Jr, Fábio Hernandez, Sgto Adelino, Ricardo Seidel e Pedro Gomes), e nove contra (João Silva, Pimentel, Terezinha Soares, Chiquim da Diferro, Fátima Avelino, Alberto Sousa, Hamilton Miranda, Irmã Telma e Paulinho Lobão), o que fez com que o presidente José Carlos (Patriota) usasse do voto de Minerva, optando pela convocação e rejeitando o requerimento. Zesiel Ribeiro e Maura Barroso estavam ausentes em atendimento médico.
  O presidente justificou seu voto dizendo que sempre ficará ao lado do povo. “Os secretários precisam sim ser convocados e darem explicação à coletividade sobre uma série de situações”, finalizou.
  Para Bebé Taxista (Patriota) a casa deu uma demonstração de independência graças a dois vereadores que eram da base do prefeito: Fábio Hernandez e Adhemar Freitas Jr (ambos do PSC) e que não voltam atrás em suas palavras. “O presidente desta casa sempre disse que votaria com a vontade do povo e mostrou isso hoje. Zesiel também teria votado contra este requerimento que está em desacordo com a vontade do povo. A sociedade precisa saber onde estão os 43 milhões liberados pelo ministro da saúde”.

Legenda: Por 10 votos a 09, foi mantida a convocação dos secretários municipais para esclarecimentos no plenário da Câmara Municipal de Imperatriz
Compartilhar esta notícia :
 
Produzido por Dicamax Tecnologia e Comunicação | Portfólio | Serviços
Copyright © 2014. Blog Asmoimp - Todos os Direitos Reservados
Entre em contato conosco para críticas e sugestões
Ficamos muito felizes com sua visita