Cheque Cesta Básica Gestante

Lava Prato - João Lisboa

Lava Prato - João Lisboa

Equipe do SAMU Imperatriz faz treinamento de Resgate em Altura, em Áreas Remotas e de Difícil Acesso

8 de abril de 2019


O curso é realizado pelo Núcleo de Educação Permanente, NEP, em parceria com o Batalhão de Bombeiros



 Profissionais do SAMU simulam resgate de paciente de um morro, em Imperatriz. (Foto: Divulgação)


O Curso de Resgate em Altura, em Áreas Remotas e de Difícil Acesso para profissionais do SAMU Regional de Imperatriz, promovido pelo Núcleo de Educação Permanente da Saúde, NEPS, em parceria com o Batalhão do Corpo de Bombeiros, teve continuidade na última quarta-feira, 3.
A capacitação foi realizado nas proximidades da BR-010, sentido Imperatriz Açailândia, área do Sest-Senat. Durante o treinamento, médicos, enfermeiros, técnicos e condutores de ambulâncias aprenderam com a prática, técnicas de rapel no morro, resgate controlado e transporte de vítimas em terrenos difíceis.

As aulas práticas e teóricas já vêm sendo ministradas pelo Corpo de Bombeiros, por meio do sargento do 3º GBM, Jairan Silva Costa. Cada módulo tem 40 horas de duração, com direito a certificação. O curso para os profissionais do Samu faz parte de um cronograma de capacitações que foram implementadas pelo NEP, por determinação do prefeito Assis Ramos para melhor atender a população.
“Os dois módulos representam um ganho muito grande de conhecimentos para atuarmos nessas situações onde não teremos a presença de outras equipes de segurança ou de resgate nas cenas e faz com que estejamos mais preparados para atender a população de Imperatriz e região”, explicou o coordenador do SAMU Regional, o médico Alexsandro Freitas.

Foram realizados até agora três treinamentos que foram os dois módulos do O Curso de Resgate em Altura, em Áreas Remotas e de Difícil Acesso cujas técnicas foram ministradas pelo Corpo de Bombeiros; Curso do Samuzinho, que está em estudo para ser estendido aos estudantes da rede pública municipal; treinamento de combate a incêndio nas bases centralizadas do SAMU, uma vez que todas possuem extintores e o encerramento será com uma mega-simulação de acidente com múltiplas vítimas da qual participarão todas as instituições de segurança e de saúde.

“Desta vez vamos fazer de uma forma diferente. Não teremos um ambiente controlado, mas a solicitação para este atendimento e o local será surpresa para todas as corporações exatamente para termos uma real noção do quanto cada instituição está preparada para atender a qualquer momento”, adiantou Alexsandro Freitas.

Compartilhar esta notícia :
 
Produzido por Dicamax Tecnologia e Comunicação | Portfólio | Serviços
Copyright © 2014. Blog Asmoimp - Todos os Direitos Reservados
Entre em contato conosco para críticas e sugestões
Ficamos muito felizes com sua visita