Cerest realiza blitz educativa para prevenir às lesões por esforços repetitivos

28 de fevereiro de 2019


Trabalhador de qualquer área está sujeito a doença



 A ação distribuiu panfletos informativos no Centro, na manha desta quinta-feira. (Foto: João Rodrigues)


Na manhã desta quinta-feira, 28, Dia Internacional de Prevenção às Lesões por Esforço Repetitivos, LER/DORT, foi realizada uma blitz pelos servidores do Centro de Referência do Trabalhador, Cerest, nas ruas do Centro, com a proposta de alertar a população sobre os cuidados que devem ser tomados para prevenir a doença. Medidas simples como intervalos e exercícios durante as atividades de trabalho podem prevenir a doença, que em 2013 acometeu mais de 3,5 milhões trabalhadores, segundo dados do IBGE na época.
A ação do Cerest, ligado à Secretaria Municipal de Saúde, consistiu na distribuição de panfletos com informações sobre como prevenir e tratar LER/DORT. A blitz foi na Avenida Dorgival Pinheiro de Sousa com a rua Simplício Moreira e teve a duração de uma hora.
“Como várias profissões estão sujeitas ao desenvolvimento da doença, foi pensado esse local para atingir pessoas das mais diversas profissões, com nossas informações que orientam sobre a prevenção”, destacou a coordenadora do Cerest, Elizania Bandeira. 
Para o fisioterapeuta Carlos Drumont Alcântara trabalhadores de qualquer profissão estão sujeitos à serem acometidos por LER/DORT, desde digitadores até profissionais da área da construção civil.
“A lesão não vem somente em relação a repetição, mas a grande jornada de trabalho, a ausência de pausas, o ambiente de trabalho no qual o trabalhador convive, a luminosidade, se há barulhos, calor excessivos, pressão do patrão ao empregado. Tudo isso causa distúrbios, que afetam o organismo do trabalhador”, alertou.

Durante a ação, os motoristas, motociclistas e pedestres em geral se mostraram receptivos, mas muito deles admitiram não saber ou ter pouco conhecimento sobre a doença e elogiaram a iniciativa. “Estou tomando conhecimento agora sobre essa doença, a campanha vem nos alertar, penso que tudo é para melhorar nossa saúde é muito bom”, disse o motorista José Wilson Lima.
De passagem pelo Centro Comercial, o ajudante de pedreiro, Geovane Melo de França, aprovou a ação do Cerest. “Achei muito boa a ideia, as informações vão me ajudar a prevenir doenças, tomarei mais cuidado”, confirmou.
Atendimento Cerest
O Centro de Referência do Trabalhador, Cerest, fica localizado na Rua Maranhão, 826, Setor Mercadinho, e funciona das 8 às 18h, com equipe multidisciplinar pronta para atender os trabalhadores de qualquer área. Para o atendimento, o trabalhador deverá comparecer ao órgão e apresentar RG, CPF e cartão do SUS e fazer cadastro. O passo seguinte é o atendimento por um assistente social, enfermagem e o médico que será que define qual a especialidade. Caso seja necessário atendimento específico, a Cerest encaminha o servidor para rede SUS de Imperatriz. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (99) 3523-3102.

Compartilhar esta notícia :
 
Produzido por Dicamax Tecnologia e Comunicação | Portfólio | Serviços
Copyright © 2014. Blog Asmoimp - Todos os Direitos Reservados
Entre em contato conosco para críticas e sugestões
Ficamos muito felizes com sua visita