Durante assalto, elementos apontam arma de fogo para cabeça de criança em Pedreiras

13 de novembro de 2018



Nem mesmo crianças são poupadas da criminalidade em Pedreiras. Nas primeiras horas da manhã da segunda-feira (12), um menino de 10 anos brincava em uma rua do Bairro do Diogo, quanto teve seu celular levado dois assaltantes que estavam numa moto Fan, cor vermelha.

O pai da criança, conhecido como “Play”, proprietário de uma academia de ginástica, no Bairro do Diogo, relatou em entrevista a imprensa local, que seu filho entrou no estabelecimento em pânico. “Eu estava na academia dando aula, e quando abri o portão para a menina sair, chegou meu filho chorando, desesperado. Perguntei o que foi, e ele disse: “Papai, dois caras colocaram a arma na minha cabeça e eu perdi o celular””.

O pai da criança fez um desabafo sobre a onda de criminalidade em Pedreiras, especialmente, a prática de roubo de celular que vem sendo muito frequente. Deveria haver uma reação mais enérgica contra os bandidos, sugeriu a criação de grupos de extermínio para matá-los. “A pessoa trabalha muito para pagar um celular, as pessoas perderam a segurança em ficar na sua casa e nas calçadas, a qualquer hora os bandidos estão agindo. Para mim deveria haver grupo de extermínio para matar os bandidos porque já está virando molecagem, arma virou brinquedo na mão de vagabundo". Disse ele, indignado.

O boletim de ocorrência já foi prestado e as autoridades estão fazendo as medidas possíveis.

Fonte: Blog do Carlinhos
Compartilhar esta notícia :
 
Produzido por Dicamax Tecnologia e Comunicação | Portfólio | Serviços
Copyright © 2014. Blog Asmoimp - Todos os Direitos Reservados
Entre em contato conosco para críticas e sugestões
Ficamos muito felizes com sua visita