Sargento da PM é morto em plena Sexta-Feira Santa na zona rural de Timon

31 de março de 2018

O policial teria assassinado um homem a tiros e, logo após, levou vários golpes de faca, principalmente, no tórax

Sargento da Polícia Militar J. Vieira (Foto: Reprodução)

O sargento da Polícia Militar, J. Vieira, idade não revelada, e um homem, não identificado, foram mortos durante a noite de sexta-feira, 30, no povoado de São Benedito, zona rural de Timon. A polícia também informou que os principais suspeitos de terem assassinado o militar foram Joel da Silva Feitosa e Francisco de Sousa Feitosa, Senhor, que até a manhã de sábado, 31, não tinham sido presos.

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Polícia Civil dessa cidade. Ainda segundo a polícia, o sargento estava participando de uma rifa, no bar do Senhor, e em um determinado momento teria se envolvido em uma briga com um homem, não identificado.

O militar efetuou tiros durante a confusão e matado um homem. Em seguida, o policial tentou fugir do local, mas, acabou sendo assassinado a golpes de faca. Uma das facadas atingiu o tórax e os braços do policial. Várias pessoas teriam participado dessa ação criminosa e uma delas sendo Joel da Silva e Francisco de Sousa.

Outra versão

Há informações de populares que o sargento teria ido ao “Bar do Senhor” para comprar bebida e nesse local teria se desentendido com o genro desse estabelecimento comercial, nome não revelado. No decorrer da briga, o militar o matou a tiros.

O policial ao tentar fugir foi assassinado a golpes de faca e, de acordo com os moradores, efetuados pelos parentes desse ponto comercial. Logo após, os acusados tomaram rumo ignorado. Os corpos das vítimas foram removidos para o Instituto Médico Legal dessa cidade.

Fonte: imirante.com


Compartilhar esta notícia :
 
Produzido por Dicamax Tecnologia e Comunicação | Portfólio | Serviços
Copyright © 2014. Blog Asmoimp - Todos os Direitos Reservados
Entre em contato conosco para críticas e sugestões
Ficamos muito felizes com sua visita