ArFrio refrigeracoes

ArFrio refrigeracoes
Peças e Serviços. Soluções em Ar-Condicionado. (99) 98156-9313

Número de homicídios de menores já é o dobro em relação a outubro

21 de novembro de 2017

Dez adolescentes e crianças foram mortos no decorrer deste mês na Região Metropolitana de São Luís; a maioria desses casos foi por arma de fogo e com requintes de crueldade; morte da menina Allana teve grande repercussão

10 adolescentes e crianças foram assassinadas durante este mês na Ilha (Foto: Reprodução)

01310

Dez adolescentes ou crianças já foram assassinados durante este mês na Região Metropolitana de São Luís, segundo dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP). Ainda ontem, a quantidade de mortes de adolescente este mês já era o dobro em relação ao mês passado, que contou com o registro de cinco casos na Ilha. A maioria desses assassinatos foi cometido com arma de fogo e com requintes de crueldades.

Um desses casos tem como vítima a filha de um cadete do Corpo de Bombeiros Militar, identificada como Alanna Ludmilla Borges Pereira, de 10 anos. De acordo com as informações da polícia, ela desapareceu no dia 1º deste mês e seu corpo foi encontrado no dia 3, seminu e com marcas de violência, enterrado sob entulhos no quintal da casa onde morava, na Rua 37 do Maiobão, em Paço do Lumiar.

Seu ex-padrasto, Roberth Serejo Oliveira, acusado do crime, está preso desde o dia 4, no Complexo Penitenciário de Pedrinhas. A cúpula da SSP designou uma equipe de delegados, composta por Lúcio Rogério Reis, Viviane Azambuja, Henrique Mesquita, Paulo Arthur Franco e Cláudio Barros, para investigar o caso.

O superintendente Estadual de Homicídios e Proteção a Pessoas (SHPP), delegado Lúcio Rogério Reis, informou na segunda-feira, 20, que estava aguardando o resultado de exames periciais realizados pela equipe da Superintendência de Polícia Técnica e Científica (SPTC) para identificar a causa da morte da menor e se houve ato de violência sexual. “Esse caso continua sendo investigado por uma equipe de delegados da SHPP”, declarou Lúcio Rogério Reis.

Duplo homicídio
A equipe da SHPP ainda ontem estava investigando o assassinato de dois adolescentes, um de 14 e outro de 16 anos, ocorrido no João Paulo, no dia 4. Segundo a polícia, há suspeita que os menores sejam integrantes de uma facção criminosa e teriam sido mortos por vingança.

No dia do crime, eles estavam na Rua Barés, no João Paulo, quando dois homens não-identificados se aproximaram em uma moto e efetuaram vários disparos contra os mesmos, que morreram no local. Os corpos das vítimas foram removidos para o Instituto Médico Legal (IML), no Bacanga.

A polícia também registrou a morte de outro adolescente, de 16 anos, no dia 3, na Cidade Alta, em São José de Ribamar. O menor foi morto a tiros por homens não identificados.

Facção criminosa
Uma onda de terror com mortes foi instalada na Ilha, segundo a polícia, devido o assassinato do ex-presidiário e líder de uma facção criminosa, Yuri de Paula Silva, Chacal, de 26 anos, ocorrido na tarde do último dia 12, na Estrada da Maioba, em Paço do Lumiar. Neste dia, foi morto a tiros um adolescente, de 17 anos, no Ipase.

No dia 13 deste mês, a polícia registrou a morte de mais um adolescente, de 16 anos. Ainda segundo a polícia, dois integrantes de uma facção criminosa teriam matado a tiros esse adolescente, na Vila Cascavel, área do São Raimundo. Há informações de que a vítima também era integrante de facção criminosa e tinha passagem pela Delegacia do Adolescente Infrator (DAI).

No Coroadinho também ocorreu morte de um adolescente. A polícia informou que ele tinha 15 anos e foi assassinado, na noite do dia 14, por supostamente fazer parte de um grupo criminoso. Ele foi morto a tiros efetuados por homens, que fugiram em motocicleta.

A polícia ainda registrou a morte a tiros de mais dois adolescentes. Um dos casos ocorreu no último dia 16, na Vila Samara e a vítima tinha 15 anos; e o outro caso foi na Cidade Olímpica, no dia 17 e a idade da vítima era 17 anos.

Confronto
Um adolescente, de 16 anos, morreu ao trocar tiros com uma guarnição da Polícia Militar durante a madrugada do dia 14, na área de Pedrinhas. Ainda segundo a polícia, há informações que esse menor estaria assaltando nessa localidade, em companhia de outros criminosos. Inclusive, esse bando é suspeito de ter invadido residências.

SAIBA MAIS

Locais da Ilha onde ocorreram assassinatos de menores neste mês
Pedrinhas
João Paulo
Coroadinho
Ipase
Vila Samara
Vila Cascavel
Cidade Olímpica
Cidade Alta (São José de Ribamar)
Maiobão (Paço do Lumiar)
Ipase

- Os dados da SSP revelam que somente este mês na Ilha já foram registrados 34 casos de homicídios dolosos.Fonte: imigrante.com

Compartilhar esta notícia :
 
Produzido por Dicamax Tecnologia e Comunicação | Portfólio | Serviços
Copyright © 2014. Blog Asmoimp - Todos os Direitos Reservados
Entre em contato conosco para críticas e sugestões
Ficamos muito felizes com sua visita