IPVA + MOTO LEGAL

IPVA + MOTO LEGAL

ArFrio refrigeracoes

ArFrio refrigeracoes
Peças e Serviços. Soluções em Ar-Condicionado. (99) 98156-9313

Bacabalense é preso no Tocantins acusado de participação em assalto a agência do Banco do Brasil; Michel foi responsável por prestar auxílio na fuga dos criminosos

3 de julho de 2017

Michel (à esquerda) é bacabalense e atualmente residia em
Santa Luzia do Tide.

Na tarde da última segunda-feira (26) a Polícia Civil do Estado do Tocantins, prendeu Mayllon Pereira dos Santos, conhecido como ‘Gaúcho’, de 25 anos, e Michel Andrade de Castro, de 32, ex-morador da rua Arthur Azevedo, em Bacabal.

Os dois estavam em um conjunto residencial do município de Araguaína, norte do Estado. Eles são suspeitos de envolvimento no roubo ao Banco do Brasil em Gurupi, também no Tocantins. O assalto aconteceu no dia 11 deste mês. Até o momento seis pessoas foram presas.

Na casa onde Michel Andrade e seu comparsa estavam, foram encontrados R$ 1.215,00 (mil duzentos e quinze reais) em espécie, uma pistola Taurus, calibre .380 com um carregador e vinte munições intactas, dois aparelhos celulares, cartões bancários e várias anotações.

No último dia 23, havia sido preso em Goiânia, Marcos Miranda Pimentel, de 33 ano, que tinha prisão decretada por envolvido com o mesmo roubo em Gurupi. Em poder de Marcos foi encontrado um veículo Fiat Strada Adventure, de cor branca (semelhante à que foi utilizada na mencionada ação criminosa), R$ 3.410,00 (três mil, quatrocentos e dez reais) em espécie e um aparelho celular.

Entenda o Caso

Após investigações a polícia descobriu que Marcos, o qual reside nas cidades de Alvorada/TO e Goiânia/GO, foi o responsável por dar todo o suporte logístico para a quadrilha, inclusive durante o levantamento prévio onde os criminosos coletaram informações para a realização do roubo.

Já Michel, que em Bacabal chegou a trabalhar em uma empresa que atua no setor da indústria de alimentos, carne e seus derivados, com sede em Castanhal, no Estado do Pará, por sua vez, realizava a movimentação financeira de um dos líderes da quadrilha que praticou o roubo em Gurupi: Waldir Fabriciano Duque, vulgo ‘Tarzan’, de 33 anos, morto em confronto com a polícia, no último dia 25, na cidade de Parauapebas/PA.

No dia do roubo, Michel também ficou responsável por prestar auxílio a fuga dos criminosos, caso a ação fosse frustrada e o caminhão baú comprado por Marcos não pudesse mais ser utilizado.

Até o momento seis pessoas já foram presas pela Polícia Civil do Tocantins em razão da investigação que apura o roubo ocorrido ao Banco do Brasil de Gurupi, a qual é conduzida pela Delegacia Especializada em Investigações Criminais, Núcleo Sul (DEIC SUL). Além das prisões, até o momento foram apreendidas três armas de fogo, várias munições, R$ 9.892,75 (nove mil, oitocentos e noventa e dois reais e setenta e cinco centavos) em dinheiro e vários objetos relacionados o roubo ocorrido em Gurupi.Fonte: Segio Matias

Compartilhar esta notícia :
 
Produzido por Dicamax Tecnologia e Comunicação | Portfólio | Serviços
Copyright © 2014. Blog Asmoimp - Todos os Direitos Reservados
Entre em contato conosco para críticas e sugestões
Ficamos muito felizes com sua visita