IPVA LEGAL - GOVERNO DO ESTADO

IPVA LEGAL - GOVERNO DO ESTADO

ArFrio refrigeracoes

ArFrio refrigeracoes
Peças e Serviços. Soluções em Ar-Condicionado. (99) 98156-9313

Pais de autistas lutam contra preconceito e indiferença do Poder Público

7 de junho de 2017


Legenda: Ester Cristina, presidente da Associação de Familiares e Amigos de Pessoas com Autismo de Imperatriz

 

A Câmara Municipal abriu a Tribuna Popular na sessão ordinária desta quarta-feira (7) para a Associação de Familiares e Amigos de Pessoas com Autismo de Imperatriz (Afagai). A entidade, criada há nove anos, se organiza juridicamente para buscar parcerias com o poder público e a iniciativa privada.

Ester Cristina, mãe de autista e presidente da Afagai, diz que a entidade funciona provisoriamente em sua residência e que cerca de cem pais de autistas estão associados ou de alguma maneira participam de suas atividades.   

Os autistas, como os deficientes e outras pessoas portadoras de necessidade especiais, sofrem com o preconceito, a discriminação, a indiferença social e oficial e com a ausência de políticas públicas em saúde, educação e serviços terapêuticos.

“Em Imperatriz, temos uma parcela muito grande autistas. Só na associação temos mais de cem cadastrados. Mas muitos não são reconhecidos pela família, ou por desconhecimento sobre a síndrome ou por medo da discriminação social, e ainda os que fazem tratamento na rede de saúde privada”, explica Ester Cristina.

Segundo ela, o único local para atividades terapêuticas é o Centro de Atenção Psicossocial (Caps) Juvenil, onde os autistas e familiares contam com apoio de psicólogo, psiquiatra, enfermeira, psicopedagoga e agora uma fonoaudióloga. Também contam com o programa de Equoterapia, método terapêutico e educacional, que utiliza o cavalo dentro de uma abordagem multidisciplinar e interdisciplinar, nas áreas de saúde, educação e equitação, buscando o desenvolvimento biopsicossocial de pessoas com deficiências e/ou necessidades especiais. “Mas ainda precisamos de neurologista e terapeuta ocupacional”, lamenta.

A psicóloga Nádia Borges, que acompanha autistas tem seis anos, lembra que a associação iniciou timidamente suas atividades e que hoje começa a ter visibilidade. “Em abril, realizamos colóquios e fóruns em vários locais, inclusive universidades, e tivemos mais de 1.300 participantes. Precisamos ter uma semana municipal do autismo”, reivindica.

Escola-clínica

O dia 2 de abril é considerado o Dia Mundial do Autismo e 18 de Junho, o Dia do Orgulho Autista.

No próximo dia 25, a Afagai realiza uma feijoada beneficente na Escola Frei Manoel Procópio (próximo ao Ibama, na D. Pedro II, Centro), para arrecadar fundos que irão custear o processo de oficialização da entidade.  

Segundo a psicóloga Nádia Borges, o objetivo da associação é construir uma escola-clínica, nos mesmos moldes que já existem em outras cidades brasileiras, que oferecem instrumentos educacionais e terapêuticos aos autistas e familiares.

Autismo        

O autismo infantil é uma síndrome geralmente diagnosticada entre os 2 e 3 anos de idade, que é caracterizada por problemas na comunicação, na socialização e no comportamento, que faz com a criança apresente algumas características específicas, como dificuldade na fala e em expressar ideias e sentimentos, mal-estar em meio aos outros e pouco contato visual, além de padrões repetitivos e movimentos estereotipados.

Texto: Carlos Gaby/Assimp

Foto: Fábio Barbosa

Compartilhar esta notícia :
 
Produzido por Dicamax Tecnologia e Comunicação | Portfólio | Serviços
Copyright © 2014. Blog Asmoimp - Todos os Direitos Reservados
Entre em contato conosco para críticas e sugestões
Ficamos muito felizes com sua visita