FIO MODAS COM GRANDES PROMOÇÕES, VENHA CONFERIR!

FIO MODAS COM GRANDES PROMOÇÕES, VENHA CONFERIR!

SUPERINTENDENTE FALA DO PRIMEIRO ANO DAS ATIVIDADES DA SENARC NO MARANHÃO

23 de setembro de 2016



O governo do Maranhão, através  da lei estadual 10.238/2015 criou a Superintendência Estadual de Repressão ao Narco Tráfico(SENARC), que foi efetivamente implantada em setembro do mesmo ano, pelo secretário de segurança pública Jefferson Portela, tendo como superintende o Delegado Carlos Alessandro.

O Superintendente falou a nossa reportagem  que nesse primeiro ano de existência da SENARC, foram realizadas inúmeras operações, com resultados positivos, com desarticulação de quadrilhas de traficantes, seguidas de prisões, e apreensões de grande quantidade de entorpecentes.

Disse que em um ano de criação, a SENARC realizou apreensão de 2.800 kg de drogas, dentre elas: crack, cocaína e maconha. 55 armas de fogo foram tiradas de circulação, foram feitos cumprimento de 15 mandados de busca e apreensão e 264 prisões de pessoas indiciadas pelo crime de tráfico de drogas e associação ao tráfico.



Ressaltou os projetos já iniciados pela SENRC, através de um planejamento estratégico feito no início do 2016. Um desses projetos foi a criação do aplicativo WhtsApp. Lançado em 11 de abril deste ano, vem recebendo diariamente mensagens com denúncia que tem ajudado no combate ao tráfico de drogas graças a população que vem participando ativamente denunciando, contribuindo assim para o aumento expressivo de apreensões de drogas e prisões de traficantes.

Falou que a SENARC conta com dois Departamento de repressão ao tráfico, na capital comandado pelo delegado Waldenor Viégas, este departamento, é subdividido em quatro áreas. Norte, sul, leste, oeste, sob a coordenação, dos delegados. Luciano Correia Matos, Tiago Salgado, Avilázio Maranhão Neto, que coordenam os trabalhos na capital aranhense, com um efetivo de 28 polícias, entre delegados escrivães, e investigadores. Quanto ao departamento do interior, esta sob o comando do delegado Danilo Véras que trabalha com uma equipe de 05 investigadores e 01 escrivão de polícia. Informou ainda que, a SENARC conta com uma regional em Imperatriz-MA, sob a coordenação do delegado Fabian Kline, e que essa regional, é subordinada ao departamento do interior



 

Disse que no interior do estado, a SENARC tem realizado um grande trabalho de repressão ao narcotráfico, uma vez que parte dessa droga apreendida foi na região tocantina compreendendo os municípios de Imperatriz, Estreito, Porto Franco e nos cidades de Barra do Corda, Buriticupu e Peritoró.

Carlos Alessandro falou ainda que a maior apreensão de crack foi feita em fevereiro. Foram 120 kg dessa droga tirada do mercado pelas equipes da SENARC, droga essa que pertencia a Antonio Pereira preso aqui em São Luís, por tráfico de drogas e participação de uma organização criminosa de Mato Grosso, com ramificação na capital maranhense, considerada uma das maiores apreensão de Crack.

Em São Luís na semana passada, a Superintendência, realizou a maior apreensão de maconha, onde 500kg, dessa droga foram tirados de circulação, causando um grande prejuízo ao mundo do tráfico, ocasião em que foram apreendidas 07 armas de fogo, sendo 04 pistolas .40 uma metralhadora 9m, um revólver, e uma pistola 46.35, tirando ainda de circulação do mercado 360kg de drogas nos municípios de Grajaú, e Buriticupu.

O Superintendente falou que estatisticamente houve um aumento de quase 600% no que diz repeito a apreensões de maconha, no período 2016 em relação 2014 e 2015 em relação a apreensão de crack, o aumento foi de 225%, são dados estatísticos importantes que comprovam a atuação da SENARC no seu primeiro ano da sua criação tanto no interior como na capital maranhense.









INCINERAÇÃO DE DROGAS







Falou que em fevereiro deste ano foram incinerados, 700kg de maconha, e que na manhã desta quinta-feira(22). serão incineradas a maior quantidade de drogas já incineradas no estado, totalizando 1.700kg de drogas.

O superintendente informou  ainda que a SENARC está com um projeto na sua estrutura organizacional de implantação da cinofilia, que é o emprego de cães em operações especiais de farejamento na localização de drogas em locais de difícil percepção humana. Disse que é um projeto que já se encontra em fase de implantação, e que até o mês de outubro estará implantado para dar maior suporte as operações no combate ao tráfico de drogas.

Todos esses resultados positivos alcançados pela SENARC neste primeiro ano da sua criação, é graças ao trabalho, empenho, responsabilidade e dedicação das equipes de investigadores, escrivães e delegados, e que a meta é manter esse ritmo, para que possamos fechar o ano de 2016 com record de prisões e apreensões de drogas em todo o estado. Para isso contamos com o total apoio do Secretário de Segurança, Jefferson Portela, assim como da Delegacia Geral na pessoa do Delegado Geral Lawrence Melo. Concluiu!

Por/Stenio Johnny RPJ/MA 0001541 - ASCOM SSP/MA

Compartilhar esta notícia :
 
Produzido por Dicamax Tecnologia e Comunicação | Portfólio | Serviços
Copyright © 2014. Blog Asmoimp - Todos os Direitos Reservados
Entre em contato conosco para críticas e sugestões
Ficamos muito felizes com sua visita