ArFrio refrigeracoes

ArFrio refrigeracoes
Peças e Serviços. Soluções em Ar-Condicionado. (99) 98156-9313

Câmara cancela audiência pública com o Sindsáude em Imperatriz

21 de abril de 2016

A Comissão de Saúde, ainda, abriu a audiência públicas, mas teve de cancelar o evento em razão da ausência de representantes do Poder Executivo. - Foto: Divulgação/ Assessoria da Câmara

IMPERATRIZ – A ausência de representantes da prefeitura levou a Câmara de Vereadores a cancelar a audiência pública que seria realizada na manhã desta quarta-feira (20), solicitada pelo comando do Sindicato dos Trabalhadores da Saúde (Sindsaúde) em Imperatriz. Profissionais de saúde e o promotor de Justiça Newton Belo Neto, que responde pela Promotoria Especializada da Saúde estiveram presentes ao evento.

Marcada no dia 12 de abril, durante uma Tribuna Popular, a audiência desta quarta-feira seria um espaço para o sindicato apresentar uma Minuta de Reivindicações levada a prefeitura e solicitar a intervenção dos vereadores no sentido de uma negociação entre a entidade e o município.

Conforme a pauta, a categoria reivindica reajuste salarial da ordem de 20%, incluindo reposição de perdas com a inflação, melhores condições de trabalho e o cumprimento, pelo município, do Estatuto do Servidor Municipal.

A presidente do Sindsaúde, Janete Barreto não escondeu sua indignação quanto a ausência de representantes do Poder Executivo na audiência.

“Eu me envergonho de ter sido, enquanto sindicato, tão tolerante com essa gestão que nos maltrata. E hoje é mais uma prova disso; não vieram nem ao menos dizer que não negocia. Para eles não temos valor nenhuma”, desabafou.

Janete Barreto acrescentou que os servidores da saúde enfrentam problemas como as más condições de trabalho. Ela disse que em alguns estabelecimentos da saúde a qualidade da água é péssima e no caso do Programa de DSTS/Aids os trabalhaores são orbgiados a comprar água.

“A caixa d’água cheia de lixo, sendo que, até preservativos encontra-se, lá. Questão não é nem o reajuste, são as condições, queremos mesmo é negociar a pauta de reivindicação”, criticou.

O promotor de Justiça da Saúde, Newton Belo Neto disse que os trabalhadores da suade precisam ter melhor qualidade de trabalho. Pelo menos quatro vereadores criticaram a ausência de representantes da prefeitura na audiência que foi cancelada e não há informação sobre realização em outra data.Fonte Imirante Imperatriz.

Compartilhar esta notícia :
 
Produzido por Dicamax Tecnologia e Comunicação | Portfólio | Serviços
Copyright © 2014. Blog Asmoimp - Todos os Direitos Reservados
Entre em contato conosco para críticas e sugestões
Ficamos muito felizes com sua visita